🏪
Marketplace
A palavra marketplace engloba a forma mais abrangente da palavra mercado. Diante das inovações tecnológicas que o mundo vivencia, em conjunto com a globalização e com a percepção dos empreendedores de que se unirem em prol de seus interesses atingem um resultado muito melhor do que atuarem de forma individual, o modelo de marketplace está em plena expansão.
O marketplace passa a ideia de um espaço livre, um “lugar de encontros”, no qual vendedores e compradores podem fazer negócios de forma completamente autônoma, se valendo de um mesmo espaço virtual.
Em países como a China e Estados Unidos, este tipo de negócio dominou a maioria das operações de compra de produtos e de contratação de serviços. No Brasil o cenário não é diferente, pois nos últimos anos grandes varejistas aderiram ao modelo de marketplace. Atualmente, 90% (noventa por cento) do faturamento do varejo online na China vem dos marketplaces, enquanto nos Estados Unidos esse segmento corresponde a 33% (trinta e três por cento) (Fonte: Channel Advisor).
No Brasil, o mercado de marketplace cresceu 90,7% (noventa vírgula sete por cento) de 2017 a 2018, conforme pesquisa da Precifica, e a opinião do público somente reforça o sucesso desse modelo de negócio. Entre os brasileiros que compram online, 95% (noventa e cinco por cento) utilizam marketplaces, de acordo com pesquisa da PwC e UPS.
Copy link